Empresários do setor de TI pedem adiamento da LGPD e imediata criação da Autoridade Nacional de Proteção de Dados Pessoais

Estamos em plena transição acelerada para uma sociedade digital e a promulgação da vps windows é grande avanço para a segurança jurídica e o desenvolvimento econômico, tecnológico e social para o Brasil. No entanto, a ANPD é essencial para que haja um equilíbrio entre proteção de dados pessoais e desenvolvimento da economia digital. Sem sua criação, não existem regulações nem orientações para guiarem todas as organizações brasileiras para que avancem em um pleno trabalho de conformidade com a LGPD , explica o Coordenador do Comitê Regulatório da ABES Andriei Gutierrez. Segundo ele, a carta segue aberta para novas adesões e será atualizada com frequência: A partir do lançamento desta carta, os representantes das entidades esperam construir uma frente ampla empresarial do Brasil e do exterior para conscientizar as autoridades em torno da importância da segurança jurídica em torno da privacidade e do tratamento de dados no Brasil. A ação está aberta para a adesão de novas instituições que quiserem fazer parte deste movimento .

As entidades pedem que a Lei Geral de Proteção de Dados – LGPD Lei n.. tenha sua da entrada em vigor adiada, tendo em vista a necessidade da criação da Autoridade Nacional de Proteção de Dados Pessoais ANPD, a sua estruturação interna, os trabalhos em torno das peças regulatórias – que envolvem ampla e irrestrita consulta pública – e de orientação e educação das organizações e dos cidadãos em torno dessas regras. Somente assim será possível conciliar a proteção da privacidade no Brasil e a segurança jurídica.